Maio Maduro Maio



maio



          Maio maduro Maio
          quem te pintou
          quem te quebrou o encanto
          nunca te amou
          raiava o sol já no sul
          e uma falua vinha
          lá de Istambul

          sempre depois da sesta
          chamando as flores
          era o dia da festa
          Maio de amores

          era o dia de cantar
          e uma falua andava
          ao longe a varar

          Maio com meu amigo
          quem dera já
          sempre no mês do trigo
          se cantará
          qu'importa a fúria do mar
          que a voz não te esmoreça
          vamos lutar

          numa rua comprida
          el rei-pastor
          vende o soro da vida
          que mata a dor
          anda ver, Maio nasceu
          que a voz não te esmoreça
          a turba rompeu


          José Afonso




Voz: José Afonso



37 Comments:

Blogger wind said...

Belíssimo post e Zeca neste dia não podia faltar:)Beijos*****

12:30 da manhã  
Blogger Mendes Ferreira said...

excelente maio. este.


tudo perfeito. como sempre.


A(maio.Te).

9:33 da manhã  
Blogger TsiWari said...

Vamos Maio adentro...

10:42 da tarde  
Anonymous IO said...

Assino em baixo do que já te foi dito, Obrigada!!, beijo, IO.

12:12 da manhã  
Anonymous Giulia said...

T! Sei que não me esqueceu, e nem eu a ti, querida amiga. Sempre bom sabê-la por perto, mesmo estando longe. Carinhos e beijos do lado de cá.

12:18 da manhã  
Blogger amigona said...

Oi amiga, foi bom matar saudades! beijo

12:24 da manhã  
Blogger Seila said...

Este espaço é de muito bom gosto e suavidade. Tem fotos lindas e vivas e bem escolhidos textos.

1:31 da manhã  
Blogger herético said...

Grato pela visita. E pela música do Zeca. eijos

12:50 da manhã  
Blogger herético said...

Beijos, certamente! sorry

12:51 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

gosto do vento da foto, gosto do Zeca.
hoje ripo os dois. ;))))))))
obrigada, Eli. Beijinhos do Rubem - o sem blog.

10:33 da manhã  
Anonymous A. said...

Tão ausente, amiga!

Força!

Beijo pelo «vento». Beijo e abraço pelo nosso Zeca.

10:20 da tarde  
Anonymous M said...

Abandonei por momentos as minhas necessidades introspectivas e vim retribuir os teus dois beijinhos. ;-)

9:38 da manhã  
Blogger hfm said...

Que saudades!

1:07 da tarde  
Blogger Marcia said...

Bela escolha, belo post...parabéns. Bjs

8:37 da tarde  
Blogger LUA DE LOBOS said...

A autora Maria de São Pedro, a Papiro Editora e a Fnac têm o prazer de convidar V.Exas. a estarem presentes para o lançamento do livro GATO PEDRA no dia 19 de Maio, pelas 19.00h na Fnac - Cascais Shopping.

11:05 da manhã  
Blogger Boo said...

olá olá =)


é só para avisar que vou acabar com o blog, mas vou dando notícias...

bjnhs**

2:23 da tarde  
Blogger gato_escaldado said...

deixo um beijo. na passagem

4:28 da tarde  
Blogger Menina_marota said...

A voz e a Poesia do Zeca Afonso... nunca será esquecida!

Grata pela escolha e pela partilha.

Um abraço carinhoso ;)

12:24 da tarde  
Anonymous A said...

Zeca - prazer inquestionável! Gostaria de ter encontrado um post novo... bom sinal, engano-me?

Estarei ausente uns tempos. Uma, duas semanas.

Fooooooorça!

Bj.

2:41 da tarde  
Blogger Cecília said...

vim só deixar um beijinho.

10:30 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Saudades!

Bjos. JP-

*

11:23 da manhã  
Blogger TsiWari said...

e mais?

Bjo

3:38 da tarde  
Blogger Mendes Ferreira said...

7 de Maio.


passei. para desejar um feliz dia.


de mãe de filha de mulher.


bjos.

4:18 da tarde  
Anonymous Alex said...

Ahhh.. maio de frio, de bons momentos. Maio quebrado detanto bater os dentes. Lindo poema. Linda música... Ouvi duas vezes! hehehe. Um beijão.

9:09 da tarde  
Blogger greentea said...

para q não percas muito tempo a ler
boa noite de maio
maduro maio
beijinhos para ti

12:08 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

:(

:( :(

:( :( :(

:( :( :( :(

:( :( :( :( :(

:( :( :( :( :( :(

:( :( :( :( :( :( :(

:( :( :( :( :( :( :( :(



:(((((((

10:57 da manhã  
Anonymous Anne Marie said...

Querida amiga, adorei o poema cantado, bela canção. Espero que esteja tudo bem com você. Estive nas montanhas curtindo um friozinho gostoso. Adorei as fotos. Beijos e meu carinho, sempre.

11:38 da tarde  
Blogger L. said...

Maio já vai no dia 10 :)

5:20 da tarde  
Blogger zé das loas said...

deixo um beijo. saudades

7:11 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

la la la...la...etc ...desafinei?
sinto-me baladeiro...
bom Maio!
cafapafa

1:15 da manhã  
Blogger Manoel Carlos said...

Zeca Afonso é um dos grandes nomes da cultura lusitana, como poucos, compreendeu o mundo e o tempo em que viveu.

5:08 da tarde  
Blogger Boo said...

Ai... Maio, mês de testes e de mudanças... outra vez... =\

Como estão as coisas por aí?

Muitos bjnhs***

Vânia

5:29 da tarde  
Anonymous Loba said...

Minha querida, saudades muitas de vc!
Mas hoje tenho um beijo especial pra sua mãexinha. Que ela tenha muita saúde e muita tranquilidade.
Pra vc, meu super beijo de um domingo festivo!

7:11 da tarde  
Blogger soledade said...

Está óptimo, eli, a canção do Zeca e a foto clara e ventosa.
Boa semana.
Bj

11:27 da tarde  
Blogger FOTOESCRITA said...

Tecum, estás à espera que Junho amadureça, é? ;-)

1:00 da tarde  
Anonymous Anne Marie said...

Espero que teu final de semana tenha sido muito gostoso e repleto de luz. Deixo um ramalhete de flores do meu jardim para enfeitar teus dias. Beijos e meu carinho.

1:38 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Beijo, amiga.
Saudades - muiiiiitas.

Ana e companhia

9:24 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home